A Greta Thunberg está doando US$100.000 dólares às crianças, protegendo-as das consequências negativas da pandemia do coronavírus.

A doação é resultado do prêmio que ela ganhou da Human Act, organização dinamarquesa de desenvolvimento mundial, por seu ativismo global.

Ela destinou esse dinheiro ao Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). A Human Act gostou da ideia e igualou a doação de Thunberg, contribuindo com outros US$100.000, para proteger os direitos das crianças.

A UNICEF usará os US$200.000 para impedir que as crianças fiquem sem alimentos ou tenham riscos de saúde. A instituição também usará os recursos para combater a violência infantil e mitigar a perda dos dias de escola.

A estratégia da UNICEF envolve também fornecer itens essenciais como máscaras, kits de higiene, equipamentos de proteção e informações para a proteção dos sistemas de saúde mais desfavorecidos.

“Estou pedindo a todos que se unam a mim para apoiar o trabalho vital da UNICEF para salvar as vidas das crianças, protegendo a saúde e a educação delas”, disse Greta.

“Como a crise climática, a pandemia de coronavírus é uma crise dos direitos da criança. Afetará todas as crianças, agora e a longo prazo, mas os grupos vulneráveis serão os mais afetados”, acrescentou Greta, nas redes sociais.

Segundo a ONU, estima-se que os efeitos da pandemia sejam mais prejudiciais para as crianças dos países e bairros mais pobres. A desigualdade social é um fator a mais de risco na economia do coronavírus.

Fonte internacional: CNN

 

Direito Novo Newsletter 576x1024 - Greta Thunberg doa 100.000 dólares para ajudar as crianças impactadas pelo coronavírus

GANHE O NOSSO EBOOK!

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER E GANHE O NOSSO EBOOK DE JURISPRUDÊNCIA! APRENDA TUDO SOBRE O STF E O STJ.

Não enviamos spam! Você receberá cerca de 2 emails por semana.